Title: Ecos que o clarim da fama dá: Postilhão de Apolo, montado no Pégaso, girando o Universo, para divulgar ao orbe literário as peregrinas flores da poesia portuguesa, com que vistosamente se esmaltam os jardins das musas do Parnaso

Subtitle: Academia universal, na qual se recolhem os cristais mais puros, que os famigerados engenhos lusitanos beberam nas fontes de Hipocrene, Helicona e Aganipe

Authors: Violante do Céu, Marcos da Costa, Visconde de Asseca, Francisco de Vasconcelos Coutinho, Padre António de Barros, Frei Jerônimo Bahia, Francisco Rodrigues Lobo, Manuel de Azevedo Pereira, Barbosa Bacelar, Frei Eusébio da Soledade; Eusébio de Matos, Francisco Xavier de Meneses, Frei António das Chagas, José Angelo de Moraes, António de Sousa de Macedo, autor anônimo ou sem autoria, Júlio de Melo de Castro, Bernardo Vieira Ravasco, Padre Bartolomeu de Gusmão


Information about the document

  • Alternative title: Eccos, que o clarim da fama dá: Postilhaō de Apollo, montado no Pegazo, girando o universo, para divulgar ao orbe literario as peregrinas flores da poezia portugueza, com que vistosamente se esmaltaō os jardins das musas do Parnazo; Academia universal, em a qual se recolhem os crystaes mais puros, que os famigerados engenhos lusitanos beberaõ nas fontes de Hipocrene, Helicona, e Aganipe
  • Type: Obra Literária
  • Languages: Português; Espanhol
  • Genres: Poemas; Organização de obra ou antologia
  • Publisher: Oficina de Francisco Borges de Sousa, Lisboa, Portugal
  • Publication year: 1761 - 1762

Source(s)

  • INTERNET ARCHIVE. Biblioteca Digital, sem fins lucrativos, de livros, filmes, música, softwares etc. Disponível em: https://archive.org/.

Description

Organização de José Ângelo de Morais.

ABNT reference of the work

CÉU, Violante do et al. Ecos que o clarim da fama dá: Postilhão de Apolo, montado no Pégaso, girando o Universo, para divulgar ao orbe literário as peregrinas flores da poesia portuguesa, com que vistosamente se esmaltam os jardins das musas do Parnaso: Academia universal, na qual se recolhem os cristais mais puros, que os famigerados engenhos lusitanos beberam nas fontes de Hipocrene, Helicona e Aganipe. Lisboa, Portugal: Oficina de Francisco Borges de Sousa, 1761

Beginning year Ending year Description
1630 1654 Brasil Colônia: período da segunda invasão holandesa em Pernambuco
1640 1640 Portugal readquire sua autonomia com a Casa de Bragança
1682 1682 Economia: Estabelecimento da Companhia de Comércio do Estado do Maranhão
1624 1624 Brasil Colônia: primeira invasão holandesa
1637 1644 Brasil Colônia: permanência no Brasil do Príncipe Maurício de Nassau
1649 1649 Economia: estabelecimento da Companhia Geral do Comércio do Brasil
1640 1640 Fundação da Dinastia de Bragança
1616 1616 Ciência e religião: a Igreja Católica condena o livro de Copérnico que contém suas teorias astronômicas


Comments are the sole responsibility of the authors and do not represent the views of this repository. If you find something that violates the terms of use, report it by clicking the report button.

This document has not been commented yet, leave your comment by clicking on "Add comment"