Title: Capitães da Areia

Author: Jorge Amado


Information about the document

  • Type: Obra Literária
  • Genres:Romance ou novela
  • Publisher: Livraria José Olympio Editora, Rio de Janeiro, RJ
  • Description: Arquivo digitalizado disponível, entre outros, em https://vivelatinoamerica.files.wordpress.com/2015/10/capitaesdeareia.pdf.
  • Publication year: 1937
  • Languages: Português

Source(s)

  • COUTINHO, Afrânio; SOUSA, José Galante de. Enciclopédia de literatura brasileira. Rio de Janeiro: Fundação Biblioteca Nacional; Academia Brasileira de Letras, 2001. 2 v. ISBN 8526007238
  • UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO. Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin Digital. Disponível em: http://www.brasiliana.usp.br/.

Referência ABNT da obra

FARIA, Jorge Leal Amado de. Capitães da Areia. Rio de Janeiro, RJ: Livraria José Olympio Editora. 1937.

  • Full name: Pedro Bala
  • Nicknames: Pedro Bala
  • Description: Líder dos Capitães da Areia com 15 anos, tem o cabelo loiro e uma cicatriz de navalha no rosto, fruto da luta em que venceu o antigo comandante do bando. É ágil, esperto, temido e respeitado por todos do grupo. Traz nos olhos e na voz a autoridade de chefe. Nunca soube de sua mãe, e seu pai, conhecido como Loiro, era estivador e liderara uma greve no porto, quando foi assassinado por policiais. Há dez anos Bala vagabundeia pelas ruas da Bahia. Ele ficou sozinho e empregou anos em conhecer a cidade. Hoje, sabe de todas as suas ruas e de todos os seus becos. Ele é quem mais se aproxima de um protagonista da história, pois serve como uma espécie de linha condutora, dando um caráter coesivo aos diversos quadros que são apresentados ao longo da narrativa. Fonte: CAPITÃES DA AREIA – PERSONAGENS, em http://capitaes-da-areia.blogspot.com.br/2010/11/capitaes-da-areia-personagens.html

Source: https://pt.wikipedia.org/wiki/Jorge_Amado

Capitães da Areia é um romance de autoria do escritor brasileiro Jorge Amado, escrito em 1937. A obra retrata a vida de um grupo de menores abandonados, que crescem nas ruas da cidade de Salvador, Bahia, vivendo em um trapiche, roubando para sobreviver, chamados de "Capitães da Areia". O livro forma parte do movimento da Romance de 30, marcando uma mudança do modernismo da década anterior, passando de experimentação literária para um engajamento com questões sociais.



Comments are the sole responsibility of the authors and do not represent the views of this repository. If you find something that violates the terms of use, report it by clicking the report button.

This document has not been commented yet, leave your comment by clicking on "Add comment"