Araripe Júnior

Nome completo: Tristão de Alencar Araripe Júnior
Pseudônimo(s): Oscar Jagoanharo, Tomé de Sousa, Alferes Cosme Velho, Copélius, Cosme Velho, Martim Moreno

Informações sobre o autor

  • Birth: 1848 - Fortaleza, CE
  • Decease: 1911 - Rio de Janeiro, RJ
  • Description: Cronista, ficcionista, crítico literário, advogado, funcionário público, político, Blake registra como Tristão de Alencar Araripe, 2°. Colaborou no Mosaico, Recife, 1867; Correio de Pernambuco, Recife, 1868; Gazeta de Notícias, Rio de Janeiro, 1878-1900; Constituição, Ceará, 1872 a 1876; Jornal do Comércio, Rio de Janeiro, 1898-1900; Revista Brasileira (2ª e 3ª fases); Província do Pará, 1896; Semana, Rio de Janeiro, 1894; Revista do Brasil, Sâo Paulo, 1897; Gazeta da Tarde, Rio de Janeiro, 1881-1882.
  • Fonte(s) dos dados:
    • COUTINHO, Afrânio; SOUSA, José Galante de. Enciclopédia de literatura brasileira. Rio de Janeiro: Fundação Biblioteca Nacional; Academia Brasileira de Letras, 2001. 2 v. ISBN 8526007238
    • BLAKE, Augusto Victorino Alves Sacramento. Diccionario Bibliographico Brazileiro. Rio de Janeiro: Imprensa Nacional, 1883. 7 v.
    • STUDART, Guilherme. Dicionario bio-bibliographico cearense. Fortaleza: Tipo-litografia a Vapor, 1910. 3 volumes.

Dados da Wikipédia (não validados pelos responsáveis da Biblioteca de Literatura Digital)

  • Página do autor: https://pt.wikipedia.org/wiki/Araripe_J%C3%BAnior
  • Description: Tristão de Alencar Araripe Júnior (Fortaleza, 27 de junho de 1848 — Rio de Janeiro, 29 de outubro de 1911) foi um advogado, crítico literário e escritor brasileiro.

Works of the author


Title Type Gênero Year
Não disponível para visualização A casinha de sapé Obra Literária Romance ou novela 1872
Não disponível para visualização A constituição estadual Obra Literária Outros 1895
Não disponível para visualização A terra, de Emílio Zola e O homem, de Aluísio de Azevedo Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1888
Não disponível para visualização Anchieta Obra Literária Outros 1897
Carta sobre a literatura brasílica Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1869
Não disponível para visualização Código Civil Brasileiro, ou leis civis do Brasil Obra Literária Outros 1885
Não disponível para visualização Clóvis Beviláqua Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1899
Não disponível para visualização Contos Brasileiros Obra Literária Conto 1868
Correspondência de Machado de Assis Obra Literária Epistolografia 1860
Não disponível para visualização Crepúsculo dos Povos Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1896
Não disponível para visualização Deteriora sequor Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1894
Diálogos das novas grandezas do Brasil Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1998
Dirceu Obra Literária Romance ou novela 1890
Discursos acadêmicos Obra Literária Crítica, teoria ou história literária;Discurso ou sermão 1897
Não disponível para visualização Don Martin Garcia Merou Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1895
Não disponível para visualização Estética de Poe Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1897
Não disponível para visualização Função Normal do Terror nas Sociedades Cultas Obra Literária Outros 1891
Não disponível para visualização Gregório de Matos Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1894
Não disponível para visualização Ibsen Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1911
Não disponível para visualização Jacina, a Marabá Obra Literária Romance ou novela 1875
José de Alencar Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1879
Juízos críticos - Os sertões (campanha de Canudos) por Euclides da Cunha Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1903
Lucros e perdas Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1883
Luizinha Obra Literária Romance ou novela 1878
Não disponível para visualização Machado de Assis Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1895
Não disponível para visualização Martim Garcia Merou Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1895
Não disponível para visualização Miss Kate Obra Literária Romance ou novela 1909
Não disponível para visualização Movimento literário de 1893 Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1896
Não disponível para visualização O ninho do beija-flor Obra Literária Romance ou novela 1872
O papado Obra Literária Discurso ou sermão 1874
O reino encantado Obra Literária Romance ou novela 1878
Não disponível para visualização O retirante Obra Literária Romance ou novela 1878
Obra crítica de Araripe Júnior Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1868
Não disponível para visualização Pareceres: 1903-1905 Obra Literária Outros 1911
Não disponível para visualização Pareceres: 1906-1908 Obra Literária Outros 1913
Não disponível para visualização Quilombo dos Palmares Obra Literária Romance ou novela 1882
Não disponível para visualização Raul Pompéia Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1888
Sílvio Romero polemista Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1898
Não disponível para visualização Ulisses e o homem moderno Obra Literária Crítica, teoria ou história literária 1898
Não disponível para visualização Um motim na aldeia Obra Literária Romance ou novela 1877
Não disponível para visualização Xico Melindroso Obra Literária Romance ou novela 1882

Produção anual do autor


Gêneros literários do autor



Fatos históricos associados

Ano do início Ano do fim Description
1889 1889 Proclamação da República, em 15/11
1888 1888 Abolição da Escravatura
1852 1852 Inauguraçao das primeiras linhas telegráficas do Brasil
1861 1861 Brasil e Inglaterra rompem relações diplomáticas
1861 1861 O Paraguai declara guerra ao Brasil - Solano Lopes invade o Mato Grosso
1865 1870 Guerra do Paraguai
1848 1848 Rebelião Praieira em Pernambuco
1850 1850 A Lei Eusébio de Queiroz extingue o tráfico negreiro
1854 1854 Inauguração da primeira estrada de ferro do Brasil
1871 1871 Lei do Ventre Livre, declara libertos os filhos de escravos, nascidos a partir dessa data
1867 1867 Inauguração da estrada de ferro Santos-Jundiaí
1870 1870 Lançamento da Campanha Republicana no RJ
1873 1873 Primeiro Congresso do Partido Republicano Paulista
1875 1875 Fim da Questão Religiosa
1855 1855 Início da carreira literária de Machado de Assis
1850 1870 Apogeu do Império no Brasil
1870 1889 Declínio do Império no Brasil
1871 1871 Comuna de Paris
1848 1848 Publicação do Manifesto Comunista
1857 1857 Cultura: Flaubert publica Madame Bovary
1870 1870 Intelectuais portugueses debatem idéias anti-burguesas e anti-românticas
1885 1885 Lei dos Sexagenários
1878 1878 "Batalha do Parnaso" - manifestações anti-românticas do RJ
1889 1890 Encilhamento
1891 1894 Governo Floriano Peixoto
1859 1859 Ciência: Darwin lança A Origem das Espécies
1864 1865 Guerra contra Aguirre, do Uruguai
1850 1850 Criação da província do Amazonas
1851 1852 Conflito: Guerra contra Rosas e Oribe
1861 1865 Guerra da Secessão nos Estados Unidos
1867 1867 Publicação de "O Capital", de Carl Marx
1882 1882 Escola do Recife
1893 1893 Revolta da Armada
1894 1898 Política: Governo Prudente de Morais
1898 1902 Governo Campos Sales
1902 1906 Política: Governo Rodrigues Alves
1906 1910 Governo Afonso Pena
1907 1907 Afonso Pena aprova a Lei do Serviço Militar Obrigatório
1891 1891 promulgada a primeira Constituição Republicana brasileira
1884 1884 Extinção da escravidão no Ceará, Maranhão, Amazonas e alguns municípios do RS
1886 1886 Fundação da Sociedade Promotora de Imigração
1890 1890 Eleita a Assembléia Constituinte
1890 1890 Primeiras revoltas das categorias profissionais urbanas
1883 1883 Início da Questão Militar
1892 1892 Revolução Federalista do Rio Grande do Sul
1897 1897 Cultura: Inauguração da Academia Brasileira de Letras
1897 1897 Destruição do Arraial de Canudos
1896 1897 Revolta de Canudos
1891 1891 Deodoro da Fonseca fecha o Congresso Nacional
1893 1893 Revolução Federalista no sul
1910 1910 Campanha Civilista de Rui Barbosa
1904 1904 Revolta da Vacina
1910 1910 Revolta da Chibata, no Rio de Janeiro
1909 1909 Filippo Marinetti inicia o Movimento Futurista
1850 1850 Inauguração da linha de vapores do Rio de Janeiro para a Europa
1861 1861 Rompimento de relações entre Brasil e Inglaterra (Questão Christie)
1901 1901 Cisão no Partido Republicano Paulista
1902 1902 Segundo Congresso Socialista Brasileiro em São Paulo
1906 1906 Convenção de Taubaté (medidas de proteção ao café)
1907 1907 Pablo Picasso expõe o quadro Les Demoiselles d´Avignon, em Paris, inaugurando o cubismo
1869 1869 Inauguração do canal de Suez
1906 1906 Em Paris, Santos Dumont voa com o 14-BIS
1908 1908 Chegam ao Brasil os primeiros imigrantes japoneses (781 pessoas)
1894 1894 Inauguração da Biblioteca Infantil Quaresma
1852 1852 Conflito: Batalha de Monte Caseros (Argentina). General Urquiza derrota o presidente Rosas
1876 1876 Conflito: assinatura do tratado de paz que pôs fim à guerra entre Argentina e Paraguai
1900 1900 O Senado dos Estados Unidos ratifica a decisão da Conferência de Paz de Haya sobre a criação de um Tribunal Penal Internacional.
1895 1895 A Coreia declara a sua independência da China
1876 1876 Ciência: Graham Bell patenteia o telefone, sua invenção
1880 1880 O Congresso espanhol vota a abolição da escravidão em Cuba
1893 1893 Antes do cientista Guglielmo Marconi testar seu primeiro experimento, o padre brasileiro Roberto Landell realizou, do alto da Avenida Paulista para o alto de Santana, as primeiras transmissões de telegrafia e de telefonia sem fio
1906 1906 Um pacto policial entre Brasil, Argentina, e Uruguai é firmado contra o movimento anarquista nos três países
1896 1896 Ciência: o físico francês Henri Becquerel descobre uma nova propriedade da matéria, a radioatividade
1857 1857 08/03 - ataque incendiário da polícia causa morte de 129 operárias americanas, na fábrica Cotton, em Nova York. Na data, foi instituído o Dia Internacional da Mulher.

Commentaires (1)


Faça login para poder comentar


Falecimento

Pablo Busatto Figueiredo 18/05/2016 09:25:26
0

Faleceu na capital federal (Rio de Janeiro) a 29 de outubro de 1911. Cf. STUDART, Guilherme. Dicionario bio-bibliographico cearense: Paulino — Zozimo. v. 3. Fortaleza: Typ. Minerva, 1915. p. 167.

Alckmar Luiz dos Santos 18/05/2016 10:23:03
0

Feita a correção. Abração, 'brigado!